Palácio el Badi

O Palácio el Badi (em árabe: قصر البديع‎, "palácio do incomparável", também grafado Palácio el Badiî e Palácio el Badia) é um palácio em ruínas em Marraquexe, Marrocos. Foi construído pelo sultão saadiano Ahmed al-Mansur pouco depois de ter subido ao trono em 1578, para comemorar a sua vitória na Batalha de Alcácer-Quibir. A construção foi em grande parte financiada pelo avultado resgate pago pelos portugueses depois daquela batalha.

Após a queda dos saadianos e da ascensão da dinastia alauita, o palácio entrou rapidamente em decadência. Mulai Ismail despojou o edifício e o seu recheio, tendo usado materias de construção e decoração na edificação do seu palácio na sua nova capital Meknès. Atualmente é uma atração turística famosa, apesar de pouco mais restar do um grande amplo pátio cercado por muros altos, com jardins om laranjeiras e algumas ruínas dos edifícios do palácio. Tem também um museu onde está exposto um mimbar do século XII restaurado que outrora esteve na Mesquita Cutubia. Durante alguns anos, o Festival de Folclore de Marraquexe foi realizado no palácio. Desde 2011 que ali se realiza o Festival do Riso, organizado pelo comediante franco-marroquino Jamel Debbouze.

História

O palácio foi erigido no canto nordeste da casbá, perto dos apartamentos privados de Ahmed al-Mansur. As obras decorreram entre 1578 e 1594, embora houvesse trabalhos que só ficassem concluídos em 1603, ano em que o sultão morreu. Símbolo do poder, o conjunto palaciano exprimia o fausto do soberano, tanto aos seus súbditos como aos embaixadores estrangeiros. Era nele que se realizavam as audiências solenes e as festas. Considerado uma joia da arte islâmica, a sua construção foi influenciada pela Alhambra de Granada.

Pouco resta do esplendor original do palácio. Em 1696, o sultão alauita Mulai Ismail ordenou que fosse demolido. A demolição durou cerca de dez anos, o que dá uma ideia da grandiosidade do palácio, que ainda hoje é patente no que dele resta. Uma grande parte dos materiais demolidos foram reutilizados em Meknès, a cidade que o novo soberano escolheu para a capital do seu império em 1672.

Em 1953 foram realizadas escavações arqueológicas. Além de fragmentos de vários materiais, foi revelada a estrutura geral do palácio. O recinto do conjunto palaciano, onde numerosas cegonhas têm os seus ninhos, está atualmente aberto ao público.

Arquitetura

O acesso principal do palácio era feito pela porta Bab al-Rokham ("de mármore"). A planta ordenava-se em volta de um vasto pátio retangular com 135 por 110 metros. No centro deste pátio havia um tanque com 90 por 20 m no centro do qual se encontrava uma fonte monumental. Nos lados oriental e ocidental erguiam-se dois pavilhões — o "de cristal" e o "de audiências" — com plantas praticamente idênticas. No lado norte erguia-se o "pavilhão verde" e no lado sul o chamado "do tornassol", ambos com duas galerias cobertas.

Listado nas seguintes categorias:
Publicar um comentário
Dicas e Sugestões
Magdalena Madeleine
26 de abril de 2017
I totally loved it! Ruins takes you to ancient Arabic times. The place is huge and you can imagine how breath-taking this place was before. Pram friendly. Not much space to hide from the burning sun.
Yana Yakimova
2 de october de 2013
Although the palace lays in ruins now, you can feel what the intended vision was. It would have been quite spectacular if they had finished it. Also a chance to escape the busy streets of the medina!
Steph W
6 de abril de 2015
Really cool wander around. Large grounds with orange trees. Go to the terrace for great views. 10 DH admission - lots of people will tell you you're going the wrong way. Just ignore them.
Emre Dinçer
1 de janeiro de 2018
It is a huge palace; probably you should account for at least two hours. Since We were short on time; we quickly browsed it. I would like to spend more time there.
Carl Griffin
5 de janeiro de 2016
Once nicknamed 'the incomparable' as it was once the most beautiful palace in the world. Unfortunately partially ruined as its structure was used to construct another palace.
Jonathan Terazzi
28 de september de 2017
Un incontournable de Marrakech selon moi, et peut être mon endroit préféré. Le palais est gigantesque. Une visite qui vaut le détour. 10Dh seulement, évitez celle à 20Dh pour la Chaires, dispensable.
8.0/10
El Maymouny Lahcen e 8 857 mais pessoas estiveram aqui
Mapa
49 Rue Touareg, Marrakech, Morocco Obter instruções
Mon 10:00 AM–5:00 PM
Ter 10:00 AM–6:00 PM
Wed 10:00 AM–8:00 PM
Thu 11:00 AM–5:00 PM
Fri 10:00 AM–6:00 PM
Sat 10:00 AM–9:00 PM

Palais El Badii em Foursquare

Palácio el Badi em Facebook

Hotéis nas imediações

Ver todos os hotéis Ver todos
Amanjena

de partida $0

Riad l'Orange Bleue

de partida $52

Riad Charik

de partida $44

Riad Johnboy

de partida $26

Riad Armelle

de partida $85

Riad Wardate Rita

de partida $52

Vistas nas proximidades recomendados

Ver todos Ver todos
Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Túmulos saadianos

Túmulos saadianos (em árabe: ضريح السعديين; em francês: Tombeaux Saadi

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Bab Agnaou

Bab Agnaou (em árabe: باب اكناو) é uma das 19 portas de Marraquex

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Bab er Robb

Bab er Robb (Arabic باب الرب) is a southern gate exit to the city o

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Palácio da Bahia

O Palácio da Bahia é um palácio em Marraquexe, Marrocos, co

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Bab Ksiba

Bab Ksiba (Arabic: باب القصيبة‎‎, Bāb al-Quṣayyabah) is one of the ni

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Jemaa el-Fna

Jemaa el-Fna ou Djemaa el Fna é a principal e mais célebre praça da ci

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Mesquita Cutubia

Coordenadas: 31° 37' 26' N 7° 5

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Jardins de Agdal

Os Jardins de Agdal ou Jardins de Aguedal são os jardins mais antigos

Similar atrações turísticas

Ver todos Ver todos
Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Palácio do Golestan

O Palácio do Golestan (em Língua Persa: کاخ گلستان - Palácio do

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Yiheyuan

O Yiheyuan (em chinês tradicional: 頤和園; em chinês simplif

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Castelo de Chapultepec

O chamado Castelo de Chapultepec (em castelhano: Castillo de

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Sanssouci

Sanssouci (em francês: sem preocupação) é o antigo palácio de Verã

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Palácio de Ludwigsburg

O Palácio de Ludwigsburg é o maior palácio barroco da Alemanha, ro

Veja todos os lugares semelhantes