Jardim Majorelle

O Jardim Majorelle é um jardim botânico inspirado nos jardins islâmicos situado no centro de Marraquexe, Marrocos, onde também funciona um museu da cultura berbere.

Ocupa cerca de um hectare a noroeste da almedina e alberga cerca de 3 000 espécies botânicas. O nome deve-se ao seu fundador, o pintor francês Jacques Majorelle (1886–1962), que o criou em 1931. Comprado por Yves Saint Laurent e Pierre Bergé em 1980, atualmente pertence à Fundação Jardim Majorelle, subsidiária da Fundação Pierre Bergé – Yves Saint Laurent. A casa situada no interior está classificado como "Casas dos Ilustres" (Maison des Illustres) pelo Ministério da Cultura francês desde 2011.

História

Em 1919, o pintor francês Jacques Majorelle, filho do célebre ebanista e designer art nouveau Louis Majorelle, de Nancy, instalou-se na almedina de Marraquexe, durante o Protetorado Francês em Marrocos. Em 1922 comprou um palmeiral A noroeste da almedina, onde manda construir em 1931 a sua vivenda de estilo mourisco e art déco, desenhada pelo arquiteto Paul Sinoir. A arquitetura do edifício, inspirado na obra de Le Corbusier, é de uma modernidade extraordinária. O pintor instalou a sua residência principal no primeiro andar e transforma o rés de chão num imenso atelier para ali pintar as suas enormes telas.

Apaixonado por botânica, Majorelle criou o seu jardim inspirado nos jardins islâmicos, com a luxúria dum jardim tropical, em volta da casa, que alguns descrevem como "um jardim impressionista" ou "uma catedral de formas e de cores". O jardim é estruturado em volta de um tanque central, com diversos ambientes variados, onde centenas de pássaros fazem os seus ninhos. O jardim é uma obra viva em movimento, composta por plantas exóticas e de espécies raras que o pintor trouxe das suas viagens no mundo inteiro: catos, yuccas, nenúfares, lótus, jasmins, buganvílias, palmeiras, coqueiros, bananeiras, alfarrobeiras, agaves, ciprestes, etc. Há também uma alameda de aloés e duas matas de bambus, nas partes sul e oeste, junto ao muro exterior. É decorado com fontes, lagos, jatos de água, vasos em cerâmica, alamedas, pérgulas, etc.

Em 1937 o artista criou o "azul Majorelle", um azul ultramar/cobalto simultaneamente intenso e claro, com que ele pinta as paredes da sua vivenda, e depois todo o jardim, para fazer um quadro vivo que abre ao público em 1947. Depois de ter sofrido um acidente de automóvel, Majorelle foi viver para Paris, onde morreu em 1962. O jardim ficou ao abandono durante vários anos.

Yves Saint Laurent

Yves Saint Laurent e Pierre Bergé descobriram o Jardim Majorelle em 1966, durante a primeira estadia em Marraquexe: «fomos seduzidos por aquele oásis onde as cores de Matisse se misturam com as da natureza?». Os dois compraram o jardim em 1980, para o salvarem de um projeto de um complexo hoteleiro que previa a sua desparição; seria a terceira aquisição do casal na cidade de Marraquexe. Os novos proprietários decidiram habitar na vivenda do artista, que rebatizaram Villa Oásis, e empreenderam importantes trabalhos de restauração do jardim para «fazerem do Jardim Majorelle o jardim mais belo, aquele que Jacques Majorelle tinha pensado, planeado.» O atelier do pintura foi transformado num museu berbere aberto ao público, no qual está exposta a coleção de arte de Yves Saint Laurent e de Pierre Bergé.

As cinzas de Yves Saint Laurent, morto em junho de 2008 foram dispersadas no roseiral da Villa Oásis e no jardim há um memorial composto por uma coluna romana trazida de Tânger, sobre uma base onde há uma placa com o seu nome. Em novermbro de 2010, a princesa Lalla Salma, esposa do rei Maomé VI de Marrocos, inaugurou a exposição "Yves Saint Laurent e Marrocos", ao mesmo tempo que foi dado o nome do do criador de modo a uma rua. Em dezembro de 2011 foi inaugurado o "museu berbere" no rés de chão da vivenda, com a presença do ministro da cultura francês, Frédéric Mitterrand, e a casa onde viveu Saint Laurent foi classificada como Maison des Illustres.

O jardim emprega cerca de vinte jardineiros e é um dos locais turísticos mais visitados de Marraquexe e de Marrocos, com mais de 600 000 visitantes anualmente.

Listado nas seguintes categorias:
Publicar um comentário
Dicas e Sugestões
Stacy Bo Bacy
12 de december de 2016
This is a good and quick escape from the busy medina. I liked the contrast of plants against the blue building. On the small side and entrance + museum fees were a bit steep. The cafe's the best part.
Wael Hazzazi
15 de july de 2016
Whatever you do don't miss coming here, really nice place. Might be the best tourist thing to do in Marrakech. End it by sitting at the cafe for drinks.
Sema Bilgin
13 de november de 2016
Literally fell in love with this place and the "Majorelle Blue". The Gallery of Love by YSL should be seen & the Museum of Berberis... Could have stayed there all day. Visit the shop and cafe as well!
Noah Weiss
29 de december de 2015
One of the most beautiful gardens / parks I've ever been to. Designed by YSL, it's a desert garden oasis. Come in the late afternoon for the perfect lighting.
Fatima Al Hashimi
17 de abril de 2017
Amazing garden, overhyped though. Too crowded, you can't just sit, relax & take it all in.
Batuhan Yelgeç
3 de may de 2018
Magical place! The colours, flowers are great! But there is a long queue around midday, if you go after 2pm, there will be less crowd and better light inside.
7.9/10
irishmet, Yishyene C e 16 630 mais pessoas estiveram aqui

Hotéis nas imediações

Ver todos os hotéis Ver todos
Amanjena

de partida $0

Riad l'Orange Bleue

de partida $52

Riad Charik

de partida $44

Riad Johnboy

de partida $26

Riad Armelle

de partida $85

Riad Wardate Rita

de partida $52

Vistas nas proximidades recomendados

Ver todos Ver todos
Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Ben Youssef Mosque

The Ben Youssef Mosque (also known by its English spelling as the 'Ibn

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Qubba Almorávida

Coordenadas: 31° 37' 53.4' N 7° 5

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Madraça Ben Youssef

A Madraça de Ben Youssef é uma madraça (escola islâmica) anexa à Mesq

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Museu de Marraquexe

O Museu de Marraquexe é um museu istalado no Palácio Mnebbi, na c

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Mesquita Cutubia

Coordenadas: 31° 37' 26' N 7° 5

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Jemaa el-Fna

Jemaa el-Fna ou Djemaa el Fna é a principal e mais célebre praça da ci

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Bab Agnaou

Bab Agnaou (em árabe: باب اكناو) é uma das 19 portas de Marraquex

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Bab er Robb

Bab er Robb (Arabic باب الرب) is a southern gate exit to the city o

Similar atrações turísticas

Ver todos Ver todos
Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Public Garden (Boston)

The Public Garden, also known as Boston Public Garden, is a large park

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Royal Botanic Gardens

Jardins Botânicos Reais de Kew, Royal Botanic Gardens de Kew, Jardins

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Jardim Botânico de Nova Iorque

O Jardim Botânico de Nova Iorque (English. '''New York Botanical

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Jardim Botânico do Brooklyn

Jardim Botânico do Brooklyn (em inglês: Brooklyn Botanic Garden - B

Adicionar a lista de desejos
Estive aqui
Visitado
Jardim Botânico de Curitiba

O Jardim Botânico de Curitiba ou Jardim Botânico Francisca Maria G

Veja todos os lugares semelhantes